CHOCOLATE BEAN-TO-BAR * AULA, VISITA, DEGUSTAÇÃO E HARMONIZAÇÃO

O portal e agência de eventos São Paulo Saudável realiza no dia 23 de novembro um evento em parceira com a Mestiço Chocolates. A noite contará com um bate papo com o Chocolate Maker, Rogério Kamei, uma visita à produção artesanal deles e uma degustação e harmonização com café e vinho (também de origem).

 

A Mestiço Chocolates é uma das novas marcas no Brasil que fazem um chocolate bean-to-bar. Ou seja, eles mesmos fazem todas as etapas da produção: plantam e selecionam o cacau, o torram, descascam manualmente, moem, elaboram as próprias receitas, embalam e até distribuem e vendem. Isso é possível porque eles mesmos plantam o cacau que usam em sua fazenda na Bahia. Além disso, suas barras são desenvolvidas com apenas dois ingredientes: cacau e açúcar. Uma produção muito diferente da lista interminável de ingredientes que se vê nos chocolates de supermercado. A única exceção para isso é sua barra de chocolate ao leite, e de café, que tem estes ingredientes adicionados.

O EVENTO:

  • Saber o que é chocolate Bean to Bar: da plantação à barra
  • Aprender como funciona uma plantação de cacau
  • Quais os processos para virar uma barra?
  • Porque o Brasil pode sim ter os melhores chocolates do mundo
  • O que vai no chocolate e porque chocolate artesanal é um produto completamente diferente do chocolate comum do supermercado
  • Chocolate tem não só tipo, mas terroir
  • Pequena harmonização com vinho e café

Para participar do evento no dia 23/11 basta se inscrever pelo email eventos@saopaulosaudavel.com.br (vagas limitadas).

Mestiço Chocolates | Rua Baluarte, 528 – Vila Olímpia

Valor: R$165

Inscrições: eventos@saopaulosaudavel.com.br

Da redação

Sobre Luis Guilherme

View all Posts

Luis Guilherme Zenga, Jornalista, 20 anos com passagens por diversas editorias desde Área Têxtil, Moda, Beleza, Cidades, Entretenimento e há 10 anos apaixonado pela editoria de Gastronomia e Turismo. Criei o Conceito de Luxo Magazine, por ter a cobrança de meu leitor em dar a minha opinião pessoal sobre as matérias que escrevo nos veículos que atuo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*