LAS VEGAS: O QUE ACONTECE EM LAS VEGAS, FICA EM LAS VEGAS

que acontece em Las Vegas, fica em Las Vegas PDF Imprimir E-mail

A frase do título traduz muito bem o espírito de Las Vegas.

LAS VEGAS continua sendo a grande capital do entretenimento. É um parque de diversões para toda a família, de todas as idades

Visitei o destino novamente através do Conceito de Luxo Magazine

Agora a estadia foi bem curta, apenas para atualizar as informações que vocês já conheciam e para algumas dicas do que há de novo na cidade.

VEGAS está localizada na Costa Oeste dos Estados Unidos, no deserto de Clark County, na parte sudeste do estado americano de Nevada.

A luminosa paisagem de Las Vegas agora pode ser apreciada em 360º, a partir da High Roller, roda-gigante mais alta do mundo com 167 m de altura.

Ela foi construída em frente ao Resort Caesars Palace e ao The Linq, espécie de shopping e centro de entretenimento, que comporta atrações, compras e restaurantes.

A High Roller tem 28 cápsulas, gôndolas fechadas com vidro e com ar-condicionado, cada uma com capacidade de levar até 40 pessoas e permite que os turistas levem drinques alcoólicos no trajeto.

Durante os 30 minutos dentro da cápsula, se a maravilhosa paisagem de Las Vegas não for suficiente para o turista mais exigente, ele pode assistir a apresentações audiovisuais na cabine que param quando a atração atinge a altura máxima.

Os ingressos custam US$ 24,95 (R$ 56,70) durante o dia e US$ 34,95 (R$ 79,43) à noite.

A High Roller tem 30 metros a mais do que a London Eye, de Londres, 9 m a mais do que a Star of Nanchang, na China, e 3 m a mais que a Singapore Flyer, em Cingapura.

PARA COMER:
Em Las Vegas você pode provar todos sabores de todos os lugares do mundo. Dentro dos hotéis do grupo MGM Resorts International você encontrará alguns dos melhores restaurantes da cidade.

Heritage Steak no The Mirage:

O restaurante de 230 lugares, cujo chefe é o premiado Tom Colicchio, é um paraíso para os carnívoros.

O menu foca em carnes preparadas em forno de lenha, com ingredientes sazonais, e um menu de bebidas, que inclui um coleção de uísques raros.

O atendimento é excelente com garçons extremamente simpáticos e preocupados com o bem estar do cliente.

Colicchio usa uma variedade de métodos especializados na preparação de carnes frescas, trazidas de pequenas fazendas em todo o país.

As entradas fora da variedade de carnes, como as costelas assadas são cozidas até que elas derretam na boca.

O restaurante recebe os hóspedes com uma lareira deliciosa. A atmosfera rústica, natural e moderna inclui um muro revestido de couro e teto com vigas de madeira de nogueira.

O restaurante também possui uma sala de jantar privada para eventos especiais e reuniões.

Uma dica é reservar o jantar num horário que seja possível assistir a outro maravilhoso espetáculo do Cirque du Soleil, chamado The Beatles LOVE (veja resenha na reportagem de ! ! V I V A    L A S    V E G A S ! !)

The Mirage, 3400 S Las Vegas Blvd
Telefone:+1 702-791-7111

Della’s Kitchen no novo Delano Las Vegas:

O restaurante é pequeno e casual, e fica num corredor, na passagem do Hotel Mandalay Bay para o novo Hotel Delano

Della’s Kitchen serve café da manhã e almoço com uma combinação de clássicos e especialidades sazonais focadas em ingredientes frescos e de origem local.

Della’s Kitchen transmite  uma simplicidade acolhedora e confortável.

Eu comi “Huevos Rancheros” e waffles de sobremesa e achei muito saborosos.

Dentre tantas opções caras em Las Vegas eu recomendo o Della’s Kitchen

The Delano, 3940 S Las Vegas Blvd
Telefone:+1 702-632-9444

DICA DE SHOW:
ONE, o Musical do Michael Jackson em Las Vegas

O show Michael Jackson ONE é o mais recente show de Las Vegas e pertence ao grupo Cirque Du Soleil. Fica localizado no Hotel Cassino Mandalay Bay. O espetáculo é basead na vida do artista Michael Jackson  e mistura o talento do ator com toda a magia do Cirque du Soleil. O musical é uma mistura de músicas, cantos, danças, saltos, acrobacias e muita luz, que fazem realmente a memória do cantor vir na cabeça de todos.  Os show do Cirque du Soleil  em Las Vegas costumam sempre superar as expectativas

O Michael Jackson  ONE em Las Vegas acontece no Hotel Cassino Mandalay Bay que possui mais de 1800 lugares e um sistema de som impressionante. No musical, quatro jovens são fãs do cantor que se vingam dos paparazzis que incomodaram tanto o cantor. Cada um recebe um artefato que era do Michael Jackson  e começam a dançar que nem o cantor. No final o artista aparece num holograma e dança junto com eles fazendo um espetáculo de arrepiar. É de chorar de emoção.

Aqui uma entrevista com o Wellington Lima, brasileiro, de Recife que trabalha nesse espetáculo e pode ser visto na foto à esquerda, logo acima:
(DB):  Imagino que trabalhar no Cirque é poder viver da arte com dignidade. Como é o mercado para o profissional na companhia?
Wellington  Lima (WL): “O mercado é um mercado oportunista para aqueles que estão qualificados e em constante vontade de melhorar pessoalmente e profissionalmente. Nem sempre tudo é  glamour, mas, é sempre gratificante trabalhar em um local onde você é reconhecido pelo talento e pela sua contribuição na companhia.”
DB: Penso que a vivência no Cirque  é uma grande experiência não só relacionada à profissão, mas de vida. Quais os desafios e outras curiosidades sobre trabalhar numa empresa dessa dimensão?
WL:  “Cirque é uma empresa de excelência, onde todos os detalhes ajudam para fazer o espetáculo melhor, desde do rascunho do show até a estreia do show, são muitas noites e dias para se elaborar um show de qualidades como esse que temos aqui, e um coisa que é, foi bem feita no MICHAEL JACKSON  ONE,  foi um trabalho de equipe.”

DB: Com certeza conta muito no currículo, mas também na sua vida de um modo geral. Uma vez em cartaz ou em temporada, consegue um tempo livre para lazer ou a dedicação é total?
WL: Sim, consigo, é  essencial que haja outras formas de lazer além do trabalho, para que você não se torne um robô do trabalho. O que é legal aqui da companhia é que eles estimulam isso dentro e fora do shows.

DB: E como Experiência de vida, vc pensa em ficar no Cirque por um ciclo de vida, com prazo determinado ou  um trabalho existencial para a vida toda? 
WL: Eu já estou no circo há 17 anos, e no momento graças a Deus está tudo bem.

DB: Em que sentido o Cirque pode ser considerada uma escola?
WL: Cada show que eu faço eu vejo como uma lição, não é fácil fazer o que faço por todos esses anos e não aprender, com cada reação que o publico dá. Uma das grandes licões é a constância de excelência.  Fazer o trabalho todas as noite com a ideia de ser sempre a “primeira vez”.

DB:   O que te atraiu mais no Cirque: ficar num local fixo, com um espetáculo de sucesso, ou viajar pelos 4 cantos do mundo?
WL: Eu já tive oportunidade de fazer os dois shows: o itinerante e o fixo, todos os dois tem as suas vantagens e desvantagens. O que eu gosto do itinerante e que você conhece pessoas de lugares diferente e é pago pra conhecer os lugares. No caso do fixo é bom pra você se estabilizar e eventualmente ter uma família.

DB: Como é feita a seleção para entrar no Cirque du Soleil?
WL: No meu caso eu fiz a minha audição no Rio de Janeiro em 1997 e foram 120 pessoas, selecionaram 10 e eu fui um dos 4 chamados. Hoje em dias as pessoas estão mandando vídeo com o requerimento que o circo pede (dependendo sempre da disciplina que a pessoa quer trabalhar)

DB:    Em quais espetáculos vc já trabalhou dentro e fora do Cirque?
WL: Parque 1996, Grande Circo popular do Brasil 1997 ,La Nouba 1998, Dralion 2005, Viva Elvis 2009, MICHAEL JACKSON  ONE 2012, One night for one drop 2014.

COMPRAS:

O que vc quiser, Las Vegas tem. Tudo pode ser encontrado em centros de compras ao longo da Strip e em outlets da cidade.

Para mais informações, por favor, visite www.VisitLasVegas.com e detalhes na reportagem anterior ! ! V I V A    L A S    V E G A S ! !

Agradecimentos:
1.    David Gonzalez – MGM Resorts International Public Relations
2.    Jeff Lovari – Cirque du Soleil Resident Shows Division Publicist

P.S. Essas pessoas acima receberam e apoiaram o Conceito de Luxo Magazine, dando suporte tanto nas atividades e refeições quanto na logística e disponibilização das fotos.

Por Dina Barile

A colunista viajou para o destino para realizar a reportagem

Sobre Luis Guilherme Zenga

View all Posts

LUIS GUILHERME ZENGA – Jornalista de formação, com 25 anos atuando na área, passou por diversas editorias desde Área Têxtil, Moda, Beleza, Comportamento, Cidades e Entretenimento. Há 15 anos escrevendo nas editorias de Gastronomia, como crítico gastronômico, Enogastronomia (Vinhos e Cervejas) e Turismo Gastronômico. Colaborador no GOOGLE MAPS, avaliando Restaurantes visitados e tendo mais de (Cinco milhões e trezentas mil visualizações comprovadas) até a data de 01/2019.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*